STJ – Futuro presidente anuncia planos para gestão participativa no tribunal

PEO 18 4 STJ Quadrado

Após ser eleito para o cargo de presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), na tarde desta terça-feira (5), o ministro Humberto Martins disse acreditar que, para ter pleno êxito em sua missão, deve fazer uma gestão participativa, em que todos os ministros tenham a oportunidade de opinar e se envolver ativamente nas decisões.

Para viabilizar essa participação, o presidente eleito pensa em constituir seis comitês consultivos, cada um formado por cinco ministros e coordenado pelo presidente, que atuarão nas áreas de gestão, orçamento e finanças, saúde, segurança e transporte, tecnologia da informação e assuntos legislativos.

“Essa é uma ideia inicial, ainda em gestação, mas que já deixo aqui lançada para discutirmos e aprimorarmos o formato final. O importante é que todos os senhores e as senhoras que depositaram confiança em mim, para gerir esta corte, poderão dar sua contribuição na área em que mais tenham interesse”, afirmou o presidente eleito.

Servido​​​res

Humberto Martins externou ainda seu compromisso com a valorização dos servidores e colaboradores do tribunal. Segundo ele, os servidores públicos que integram os quadros do STJ merecem ser reconhecidos por seu incansável trabalho em prol do Poder Judiciário, e serão ouvidos em sua gestão. “Todos que têm ideias e opiniões sobre como o serviço público pode ser aprimorado devem ter a oportunidade de se expressar”, salientou.

O presidente eleito parabenizou o ministro João Otávio de Noronha pela gestão à frente do STJ – que considerou excelente –, em especial pela condução do tribunal nesse período de pandemia do novo coronavírus, e assegurou que todas as boas práticas adotadas pelo atual presidente e pelos que o antecederam serão mantidas e aprimoradas, de forma a sempre melhorar a prestação jurisdicional, cumprindo com excelência o papel que a Constituição Federal atribuiu à corte.

Fonte: Superior Tribunal de Justiça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *