NFT é a palavra do ano: investidores vão ganhar dinheiro com o token em 2022? Veja as análises

Fabrício Tota, Diretor De Novos Negócios Do Mercado Bitcoin — Foto: Divulgação
Fabrício Tota, diretor de Novos Negócios do Mercado Bitcoin — Foto: Divulgação

 

Fundos permitem exposição ao ativo digital que virou sinônimo de projetos de arte e publicidade

Por Gabriela da Cunha, Valor Investe — Rio

Na já tradicional escolha de palavra do ano, organizada pelo grupo que publica o dicionário Collins, 2021 será lembrado pelo termo NFT. A sigla para ‘non-fungible token’ (token não fungível, em português) foi definida pela publicação como “um certificado digital único, registrado em um blockchain, que é usado para registrar a propriedade de um ativo como uma obra de arte ou um colecionável”. Seu uso cresceu 11.000% no último ano, afirmou a empresa, que analisou 4,5 bilhões de palavras. Com isso, o grupo organizador da publicação não teve dúvidas em escolher NFT como a palavra do ano 2021.

Nessa edição, a escolha chama atenção por um ponto em comum entre três das dez candidatas. O NFT desbancou outras concorrentes de peso: “crypto”, uma abreviação de “criptomoeda“, e “metaverso“, a nova fronteira do mundo virtual e que também já causa euforia. No ano passado, o dicionário Collins escolheu “lockdown” como palavra do ano.

A importância do termo NFT pode ser medida pela régua dos investimentos. Em termos globais, o mercado cresceu US$ 2,5 bilhões no primeiro semestre desse ano, puxado pelo mercado da arte, e, também, pelas áreas da publicidade e marketing, com empresas como Taco BellCoca-ColaCampbell’sBudweiser, Microsoft, Nike, Marvel, e Warner Bros realizando grandes projetos. (Veja mais aqui)

Segundo o monitoramento do site NonFungible.com, o mercado primário, onde os ativos estão em seu estágio inicial de emissão, ainda dominam esse universo. Na parcela mais madura do setor — chamado de mercado secundário —, onde os usuários compram e vendem NFTs entre si, 65% dos tokens comprados resultaram em lucro, de acordo com a plataforma de venda OpenSea.

O lançamento de NFTs pouco lucrativos, o risco de bolha, além das questões de impacto ambiental para sua geração, são algumas discussões em torno desse tipo de ativo, criado a partir de uma imensidão de computadores que gera a rede blockchain. A tecnologia opera como um sistema de registro de informações (uma espécie de cartório) digital.

Para Fabricio Tota, diretor de novos negócios do Mercado Bitcoin, independentemente de “números estratosféricos” que acompanham a criação de colecionáveis e a sua venda, a tecnologia tem demonstrado capacidade de viabilizar a realização dos projetos em metaverso e gaming, o que possibilita que se tenha os ativos digitais representados por NFTs.

“Veio um turbilhão de ideias sobre NFTs em 2021 e isso trouxe casos bem mais concretos do que uma simples euforia pelo tema. Muitas empresas se perguntaram o que poderiam criar com NFTs. Nós, do Mercado Bitcoin, por exemplo, fizemos três investimentos sobre esse tema. Ou seja, pela diversidade de ofertas, NFT foi sim uma boa oportunidade de diversificação de investimentos”, comenta.

DrWriting.com: Leading essay writing service